A Arca

 

Em 1937 Lanza del Vasto, poeta, filósofo, descobria a Índia e conhecia Gandhi. De volta à Europa, inspirado pelo movimento de Gandhi e seus ashrams, ele se reune com sua esposa Chanterelle e com outras pessoas para formar o que, em 1948, se tornaria a Comunidade da Arca. Reabilitação do trabalho manual, meditação, ação cívica formaram a pauta da Comunidade. Depois de mais de 65 anos de experiência a Comunidade da Arca continua em evolução com o propósito de participar de uma mudança construtiva da sociedade a nível internacional.

 

Os membros da Arca tem como tarefa implementar o espírito e os meios de não-violência nos lugares onde vivem de acordo com a vocação pessoal de cada um. Eles entedem que outras maneiras de viver, de agir, de entrar em um relacionamento são possíveis a partir da estreita ligação entre a vida espiritual, a ética e a ação social e política. 

 

Eles compartilham a convicção de que a não-violência pode permitir que homens e mulheres de todas as culturas possam viver em paz: a paz não é ausência de conflito, mas reconhecê-los e ultrapassá-los. Independente de todas as religiões ou denominações, a Arca acolhe e respeita a jornada espiritual de indivíduos com a exclusão de todo o fanatismo e intolerância. Seus membros combinam fé em sua própria tradição com respeito e abertura a outras crenças. 

 

Alguns membros da Arca vivem juntos em casas comunitárias, lugares privilegiados para a formação, acolhimento, partilha, festas e experiências alternativas. É possível visitar e fazer estágios nessas casas. A Arca também oferece uma variedade de cursos: resolução de conflitos, mediação, comunicação não-violenta, ioga, canto, dança, desenvolvimento pessoal... Um programa de treinamento específico é projetado para aqueles que queiram participar na Comunidade. A Comunidade da Arca está presente em outros países da Europa e América Latina

 

 

A Arca no Brasil

 

 

A Arca no Brasil é composta por várias pessoas que, depois de visitarem e passarem um tempo em casas comunitárias da Arca na Europa, resolveram se reunir e formar um grupo. Apesar de ainda não possuir uma casa comunitária, a Arca no Brasil acontece em encontros itinerantes que acontecem, mais ou menos, duas vezes ao ano e já reunem não só pessoas que conheceram a Arca na Europa, mas também amigos, famílias e interessados de todo o Brasil que passaram a frequentar os encontros. Todos nós com a intenção de, em um futuro próximo, ter uma casa comunitária aqui no Brasil.